"Bem-vindo"
A série de Fairy Tail gira em torno das aventuras dos personagens centrais: Natsu Dragneel, Lucy Heartfilia, Gray Fullbuster , Erza Scarlet, Happy e recentemente tendo Juvia Lockser, Gajeel Redfox e depois Wendy Marvell e os exceeds Charlie e Phanterlily como coadjuvantes. Lucy Heartfilia é uma jovem maga de 17 anos que deseja evoluir e tornar-se uma grande maga. Para isso, ela terá que entrar em uma guilda de magos, para ganhar dinheiro, sobreviver e também aprimorar suas habilidades. Ela chega até a cidade de Hargeon, onde Natsu Dragneel e Happy desembarcam para procurar Igneel, o dragão que criou Natsu como se fosse um filho, e que um dia, repentinamente, sumiu. Lucy, encontra Natsu e Happy ocasionalmente, após envolverem-se com o perigoso criminoso Bora que tenta transformar Lucy em sua escrava. Após salvar a maga, Natsu, que é integrante de uma das mais famosas guildas, a Fairy Tail, convida a garota a juntar-se a guilda. Assim, Lucy ingressa na Fairy Tail, onde começa a viver todo tipo de missão perigosa junto com Natsu e Happy. A história se passa em um universo conhecido como Mundo Mágico, uma terra onde a magia é usada em larga escala e os magos gozam de um alto status. Para organizar e facilitar a vida dos magos, surgem as guildas, organizações controladas pelo Conselho que, por sua vez, é controlado pelo Governo. Uma guilda funciona como uma "agência de empregos temporários": um cliente encomenda um serviço, um mago (sozinho ou em equipes) aceita a tarefa e caso seja completado com sucesso, há uma recompensa que varia de acordo com a periculosidade e grau de dificuldade da "missão". Contudo, assim como existem guildas "pacíficas" como a Fairy Tail, também existem guildas das "trevas", de mercenários, com fins e objetivos obscuros.

Atual Saga do mangá. Depois de 7 Anos, a Fairy Tail esta na última posição no ranking das Guildas, e atualmente a número 1 é a SaberTooth, que possui dois dragons slayers: o Dragão Branco Sting, e o Dragão das Sombras Rogue. Gildarts é indicado para ser o novo mestre da Fairy Tail, mas este recusa e vai embora deixando uma carta dizendo que iria voltar. A Fairy Tail decide então participar do Torneio Mágico, que decide qual guilda é a mais forte, em três meses. Aparece um time contra guildas das trevas formado por Ultear, Meldy e Jellal que querem investigar o torneio e ajudam a Fairy Tail. São cinco dias de torneio e somente 8 guildas foram pré selecionadas. Os dois times da Fairy Tail, Blue Pegasus, Lamia Scale, Sabertooth, Mermaid Heel, Quatro Cerberus e Raven Tail, antiga guilda das sombras cujo mestre é o filho de Makarov, pai de Laxus, Ivan. Cada dia tem um tipo de competição entre as oito guildas e quatro batalhas que ocorrem entre duas equipes. No Torneio há uma Maga Estelar chamada Yukino, o que interessa os organizadores do Torneio que parecem ter um interesse em Lucy. Graças a vergonha de ter perdido no segundo dia, Yukino é expulssa da guilda e humilhada. Milliana volta e se revela ser da Mermaid Hell para Erza e diz que Kagura e ela querem matar Jellal. Natsu tenta vingar Yukino e invade a sede da Sabertooth, desafiando Jiemma,mestre da Sabertooth,que faz pouco de Natsu e manda um subordinado lutar com ele e é rapidamente derrotado porém a luta é interrompida por Minerva que tinha Happy de refém e ameaça Natsu que vai embora com Happy. Laxus batalha contra seu pai, que covardemente luta com seus quatro ajudantes. Mesmo assim, Laxus ganha a luta mostrando para todos a sujeira da Raven tail que é eliminada. Wendy luta contra Cheila, a God Slayer do Ar. A luta acaba em empate. O conselho vai atras de Mystogan e tiram sua mascara. O conselho começa a investigar a Fairy Tail. Jellal sente uma energia muito forte e pensa ser Zeref, o motivo que o levou a investigar os jogos junto com Ultear. No quarto dia a partida é vencida por Minerva, que substitui Yukino, ela espanca Lucy na partida causando um choque entre Fairy Tail e Sabertooth. Fairy Tail A e B tem que se juntar já que Raven tail foi eliminada.A nova equipe é formada por Natsu, Gray, Erza, Laxus e Gajeel.Apos esse incidente o time Fairy tail enfrenta uma batalha de duplas no 4° dia,na qual a dupla escolhida é Natsu e Gajeel Vs Sting e Rogue onde mesmo a dupla de Dragon slayers da sabertoth usando o dragon force foi derrotada por Natsu que descartou seu parceiro no meio da batalha, o que resultou numa descoberta de Gajeel sobre um "cemitério de dragões" embaixo do palácio.Tal descoberta leva a acreditar que o mago negro Zeref esta por tras de tudo.

Em ultimas palavras, devem criar o vosso personagem e começar a tua saga, treinando novas técnicas e atributos, combater contra outros players em combates PvP ou torneios e pouco a pouco evoluir o teu rank para ter acesso a novas armas e novas habilidades.

Espero que gostem do fórum e lembrem-se que o mais importante é divertirem-se e criar novas amizades neste forum deste anime espectacular. Abraço a todos e muito bem-vindos


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo Mensagem [Página 1 de 1]

1 The New Dragon Slayer of the Light em Sex Fev 01, 2013 8:33 pm

Convidado



---O fim e o Começo, uma linha tênue de separação


Era um dia qualquer aquele, o frio estava intenso como
sempre e para uma criança de 7 anos o frio estava quase me matando. Estava
ajudando meus pais com o almoço, meus pais excelentes magos caçadores e assassinos
eram sempre pagos para caçar alguns animal raro ou para matar alguém, ganhavam
razoavelmente bem e sempre que podiam ficavam em casa e me enxiam de carinho e
amor.


Nesse dia especial eles estavam calados, coisa que não era
habitual, continuava com meus treinos, queria ficar forte logo e ir às missões
com eles, participar de toda a ação em vez de ficar em casa cuidando dos
afazeres domésticos.


Depois que cuidei de tudo, o almoço estava quase pronto,
pego meu boneco de treino e chamo meu pai para me ver:


EU: - Pai, pai, olha minha nova técnica de luta


Meu pai vinha me olhar e então sentava e ficava a observar,
rapidamente corria para o boneco e aplicava um forte chute derrubando o boneco,
meu pai soltava um grito, rompendo o silencio da casa, de comemoração, me
pegava no colo e começava a brincar comigo, chamando depois minha mãe e ficávamos
a brincar.


---Predestinação:


Depois do almoço, uma longa conversa começava, minha mãe
dando conselhos de não abrir a porta para estranhos e blablabla e meu pai me
dando conselhos de luta, quando minha mãe aproxima com seu baralho magico( ela
era maga de cartas magicas, a maga mais forte de cartas de toda Fiore), ela
gostava de prever o futuro, ela consultava sempre que eles iam fazer a viagem
para me aconselhar melhor.


Primeiro era meu pai, ela puxava duas cartas, na primeira
era uma espada e um anjo, minha mãe de repente muda seu humor e fica calma,
assim pulando a explicação daquela visão, mesmo eu protestando, chegava então minha
vez, pegava duas cartas que eram:


[spoiler][img] http://img255.imageshack.us/img255/5448/dark1mh.jpg[/img]
e [img] http://img283.imageshack.us/img283/7234/voices3tx.jpg[/img][/spoiler]


Eram as cartas das trevas e da voz, minha mãe engolia a
saliva em seco e então dizia:


-Meu filho você ira passar por um momento de turbulência mas
a luz irá entrar na sua vida como uma doce voz...


No começo não entendia a mensagem, mal sabia que logo logo
eu iria descobrir o significado das trevas.


---Um breve e feliz Adeus:


Quase anoitecendo, meus pais já estavam prontos para
partirem, aquela despedida foi diferente das demais, algo dizia que alguma
coisa ruim estaria para acontecer, e isso só se confirmou com o abraço longo e
apertado de minha mãe, e o olhar tristonho de meu pai, depois das despedidas
minha mãe pegava seu escudo magico e sua katana e meu pai sua armadura e sua
espada gigante de pele de tubarão, eu sabia que meus pais eram os mais fortes
de Fiore, mas algo me dizia que alguma coisa iria acontecer. Depois do ultimo
olhar, fui arrumar a casa e arrumar a louça do jantar, sem querer derrubo o
vaso que continha a foto de nós três, e coincidência ou não somente a parte que
continha a minha foto não foi danificada pela agua, fico com o coração nas
mãos.


No dia seguinte, levanto bem cedo e cuido de fazer o café da
manha, escuto a porta abrir e quando olho minha mãe muito machucada aparece
chorando, ao vê-la sem meu pai vejo que uma coisa ruim havia acontecido, a
abraço e a coloco para dentro, mas não demorava muito e escutava gritos vindos
de outras casas quando que de repente uma labareda de fogo consome metade da
casa, ao ver parte da casa destruída vejo que as outras casas e a guild estavam
totalmente destruídas, ou seja aquilo se tratava de uma invasão, pegava minha
mãe com algumas forças e a arrastava para a floresta, quando então percebo que estávamos
sendo seguidos.


Quem estava nos seguindo se aproximava rapidamente, já não
tinha mais forças até que tropeço em um galho e caio juntamente com minha mãe,
o perseguidor aparece então queimando grande parte da floresta, minha mãe com o
resto das forças lança uma carta em que sai um raio da mesma assim acertando o
mago que cai no chão


Mae: - Vá Spec, corra e não olhe para traz, não importa o
que aconteça não olhe para trás e não venha me ajudar


Começava a correr sem parar, dava uma olhada para traz o
mago de fogo se levantava rapidamente, minha mae lançava uma carta em que uma
grande cachoeira saia da mesma acertando o mago, mas o mesmo usa um fogo tão grande
que evapora toda a agua, volto a correr e então escuto um grito, aquele era o
grito de minha mãe, lagrimas começava a sair de meus olhos e enquanto corria
ouvia passos, pensei em parar e acabar de uma vez com aquele sofrimento mas
algo me dizia para continuar a correr e não desistir, chego a uma clareira e
não vejo nada apenas escuto um rugido leve, o mago inimigo se aproximava de
mim, com muitas lagrimas minha cara era de ódio, não importava o que
acontecesse eu iria me vingar, o mago lança uma rajada de fogo, mas com as ultimas
forças que tinha desvio rapidamente, pego um pedaço de arvore que estava jogado
e acerto o mago, em seguida o mago me derruba no chão e prepara uma bola de fogo
nas mãos, quando o mesmo ia me matar, eis que um grande dragão branco ruge
derrubando o mago e lançando uma rajada de laser de luz aniquilando o mago.


----Primeiro Encontro:


Com os olhos cheios de lagrimas olhava profundamente o
grande dragão branco que estava na minha frente, o mesmo me encarava com seus
grandes e brilhosos olhos brancos, ele tinha uma cara brava mas no fundo sua
cara transbordava alegria, ainda meio tonto depois de tantos golpes ia
caminhando em direção ao grande dragão que ficava me olhando, ao me aproximar
do mesmo me abaixava e dizia:


- Muito obrigado


O dragão surpreso me olhava com uma cara de comoção, eu o
olhava com o rosto escorrendo lagrimas e então o corria para abraçar, com algum
receio de ser comido ou morto mas demonstrava agradecimento, o dragão mais
surpreso ainda me afastava e perguntava:


Dragão: - Voce não tem medo humano?


Eu: Tenh-tem-tenho um pouco, mas você é do bem e me salvou
daquele homem malvado


O dragão então da um sorriso e fala para eu o acompanhar


Passado alguns dias...a força por traz da dor:


Depois de alguns dias o dragão se mostrava o quão amigável era,
seu nome era Weisslogia, e ele
era o dragão da luz, nossa convivência a medida que se passava os dias e as
horas e os segundos virávamos uma relação de pai e filho.


Passado exatamente um ano depois da tragédia e da felicidade
de nos ter conhecido, Weisslogia começa a falar enquanto eu brincava:


Weiss: Spectro, esta
na hora de eu lhe ensinar a magia


Spectro: O que é magia?


Weiss: È uma forma de
poder, em que magos aqueles que usam magia se protegem, atacam


Spectro: Legal e qual magia você vai me ensinar? Weiss dad?


Weiss: A magia que vou lhe ensinar é a Dragon Slayer, uma
magia muito antiga e muito rara, quase ninguém sabe essa magia, na verdade só
vi uma pessoa que sabia essa magia, mas ela morreu a muito tempo atrás


Spectro: E por que eu vou aprender essa magia? Será que eu
dou conta?


Weiss: Claro Spec,você é meu filho


Weiss dava um sorriso para mim o que me motivava bastante,
iria dar o meu melhor para aprender aquela magia e me tornar forte e poderoso
que nem o papai, que sorria incansavelmente para mim.


Weiss Pronto? O treinamento é rigoroso e rígido, mas
primeiro você terá que conseguir uma habilidade em que sua pele se tornara
semelhante a de um dragão e assim imune a luz


Eu: quer dizer que eu vou ser imune aos seus raios de luz
papai?


Weiss: Sim meu filho e vai ser até mais poderoso


Eu: obaaa, vamos la, não importa o que aconteça me treine
com tudo


Weiss: è assim que se fala, fique ali


Ia para o local marcado por Weiss que ficava a mais ou menos
uns 50 metros, Weiss então abria sua boca e lançava uma rajada de luz em minha
direção, a rajada vinha a uma velocidade muito grande e me acertava me jogando
longe


Weiss: Meu filho você esta bem? Acho melhor pararmos


Eu: Não papai, vou ficar forte continue


Weiss se enchia de orgulho, ele então puxava o ar e lançava
rajadas de luz a grandes velocidades, as primeiras rajadas me acertavam sem dó,
fazendo eu cair, ser arrastado e cair novamente, lembro das palavras de Weiss e
tento comer a primeira rajada depois das minhas quedas, consigo comer uma
sequencia de 5 rajadas, não estava acostumado com aquilo, meu estomago dava
voltas e revirava quando dou um arroto monstruoso, o gosto daquilo era bom e me
sentia mais forte, Weiss então mandava cada vez mais rajadas e eu a medida que
ia comendo-as ia ficando mais veloz, mas vez ou outra era acertado e caia.


---Um treinamento de Força


Depois de vários dias treinando, sentia minha pele com uma
disposição a mais para a luz, tanto a solar quanto a lunar, sentia fome mas
conseguia absorver a luz o que me deixava saciado e forte, gostava daquela
situação, depois de curar totalmente de meus machucados Weiss me chama para
treinar novamente


Weiss: Não tinha duvidas de que você ia conseguir, agora
tente concentrar sua magia para fora e expelir a luz assim como eu faço


Eu: Será que eu consigo papi-san?


Weiss: Mas é claro, você é filho de um dragão, e você sobreviveu
até aqui, essa parte é um pouquinho mais fácil


Eu: Obrigado Weiss san


Weiss: Agora se concentre


Eu: Ok


Weiss: Agora lance, concentre em alguma parte de seu corpo e
expulse essa energia


Me concentrava mas nada acontecia, tentava concentrar toda a
magia em minha boca, depois de muito tentar consigo expelir uma pequena esfera
de luz


Weiss: Muito bem, agora fique mais forte e faça maior e mais
forte


Weiss ficava a observar assim:


[img] http://2.bp.blogspot.com/_nypvXrcbQYw/SlZdhbmsd-I/AAAAAAAAF0g/0P6yX__4xwM/s400/dragon+white+na+colina.jpg[/img]


Concentrava a magia novamente e expelia pela boca, dessa vez uma grande
rajada de luz saia de minha boca destruindo uma arvore que tinha perto, fico
comemorando muito mas Weiss serio falava:


Weiss: Vamos ver agora se você dominou essa magia


Eu: com...


Weiss rapidamente me pegava e começava a voar, tão alto que
não via mais o chão, estávamos acima das nuvens, ficava admirando tudo aquilo
pois era lindo e ele nunca havia feito isso, quando estávamos tao alto mais tão
alto que não dava de ver nada na terra Weiss fala:


Weiss: Agora é sua chance, boa sorte meu filho


Ficava branco como a neve de susto, pensando o que Weiss queria
dizer com aquilo quando de repente ele me larga la de cima e grita:


Weiss: Use sua magia para não se espatifar no chão


Eu rapidamente me desesperava, tentava de toda a forma
enquanto ia caindo liberar a magia mas nada, a medida que o tempo passava minha
velocidade ia aumentando e começava a ver a terra já, já estava imaginando
minha queda, quando então decido parar e respirar, já mais calmo absorvo a luz
do sol e começo a concentrar a magia de luz, quando estou a cerca de 100 metros
do chão libero toda a energia que havia acumulado e uma grande rajada de luz
sai de minhas mãos e minha boca as rajadas serviram como amortecedor e evitaram
minha queda, fazendo então eu pousar tranquilamente no chão, logo em seguida
Weiss pousava atrás de mim e com uma gargalhada falava:


Weiss: eu sabia que você ia conseguir meu filho


Eu: mas e se eu não tivesse conseguido?


Weiss: Bem eu iria ter outro filho


Uma risada estrondosa quebrava o silencio e Weiss me puxava
para perto e me abraçava.


---Um sumiço e o começo da Jornada:


Depois de dois anos de treinamento e afinidade, Weiss era
realmente meu pai, porem em uma dia comum, ele havia ido buscar nossa comida
como sempre fazia mas não voltou mais, a única coisa que escutei foi um rugido
seu, e quando fui procura-lo só havia um amuleto que o mesmo havia feito, com
pedaços de sua escama, guardo com carinho aquele amuleto jurando um dia
encontra-lo e assim me tornar cada vez mais forte

2 Re: The New Dragon Slayer of the Light em Sex Fev 01, 2013 8:43 pm


Aceito', ganhou a magia Dragon Slayer ;D

Ver perfil do usuário


Lucy


Olá, bem vindo ao Fórum Fairy Tail X-Treme
Um Bom Mago deve ter em atenção os seguintes Detalhes
Respeite as regras
Faça sua ficha em Fichas de Magos
Não pratique o Flood, Eu Detesto Vadalismo
Não peça suporte por MP
Tire Suas Duvidas No Nosso Atendimento


Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo Mensagem [Página 1 de 1]

Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum